Voz de Angola

Voz de Angola

Eduardo Futila é licenciado em Comunicação e Ciências Sociais é Administrador do Canal de Noticias Voz de Angola

Cel: +244930341639   eduardofutila@vozdeangola.com

O presidente da administração da Comunidade de Empresas Exportadoras e Internacionalizada de Angola disse hoje que o caso Mello Xavier e da cervejeira são-tomense Rosema "poderá efetivamente ser resolvido, está encaminhado" e tratado entre os dois governos.

O Governador Provincial de Luanda disse hoje que não está contra a greve que os enfermeiros realizam desde segunda-feira, porém "vai continuar a marcar faltas".

O Tribunal Penal Internacional determinou hoje a libertação provisória do ex-vice-Presidente da República Democrática do Congo Jean-Pierre Bemba, absolvido na semana passada em processo em que era acusado de crimes de guerra e contra a humanidade.

A crise financeira que o país atravessa, não pode servir de pretextos para o incumprimento de tarefas por parte de servidores públicos, pelo que se exige dos mesmos mais habilidade, inteligência e boa vontade, para fazer face a actual conjuntura e execução de acções em prol do bem-estar da população.

Os processos sobre a "transferência ilegal" de 500 milhões de dólares de Angola para um banco estrangeiro e a "tentativa de burla" de 50 mil milhões de dólares ao Estado angolano "estão praticamente concluídos", anunciou fonte oficial.

O Ministério do Interior alerta aos cidadãos sobre a existência de grupos de malfeitores que vêm cometendo sucessivas burlas à empresas, bem como à pessoas singulares.

O secretariado do Bureau Político do MPLA apreciou hoje a proposta de homenagem a José Eduardo dos Santos, ex-Presidente de Angola e líder do partido no poder, desde 1979, um "merecido reconhecimento" pelos seus feitos.

O vice-líder e secretário da extinta seita religiosa Luz do Mundo, Justino Tchipango, começou a ser julgado hoje, terça-feira, no tribunal da província do Huambo, pelos massacres ocorridos a 16 de Abril de 2015, praticados por membros da seita.

A Economist Intelligence Unit (EIU) considera que o nível de licitações e o volume de dívida pública colocado no mercado pelo Governo de Angola comprovam a confiança dos investidores na política económica do Presidente, João Lourenço.

A Emirates acaba de anunciar que reintegrou dois voos semanais entre Luanda e Dubai, garantindo cinco voos semanais entre as duas cidades, a partir 1 de Julho de 2018. De acordo com a companhia aérea a retoma das operações vai dar aos passageiros maior flexibilidade de opções e maior garantia de satisfação.