Voz de Angola

Voz de Angola

Eduardo Futila é licenciado em Comunicação e Ciências Sociais é Administrador do Canal de Noticias Voz de Angola

Cel: +244930341639   eduardofutila@vozdeangola.com

Duas dezenas de jovens ativistas manifestaram-se hoje na Praça da Independência, centro de Luanda, exigindo respostas para o alegado massacre de milhares de angolanos, em 27 de maio de 1977, protesto travado poucos minutos depois pela polícia.

O investigador angolano Eugénio Costa Almeida insistiu hoje na criação de uma Comissão da Verdade e Reconciliação para se "enterrar, de vez", os resquícios dos acontecimentos de 27 de maio de 1977 em Angola.

A eurodeputada Ana Gomes garantiu hoje que ninguém, em Portugal ou Angola, a intimida, ao comentar o editorial do Jornal de Angola que critica as "ervas daninhas" das relações luso-angolanas, referindo-se às posições assumidas pela socialista.

O Presidente de Angola, João Lourenço, escolheu a França para a sua primeira visita oficial a um país ocidental, que inicia na segunda-feira, com a previsão de assinatura de vários acordos de cooperação, seguindo depois para a Bélgica.

O Jornal de Angola critica hoje, em editorial, as "ervas daninhas" das relações luso-angolanas, referindo-se às posições assumidas pela eurodeputada socialista Ana Gomes, que alerta constituírem o "único irritante" entre os dois países.

O BPC, o maior banco angolano, totalmente detido pelo Estado e em processo de reestruturação, fechou 2017 com um resultado líquido negativo de 460 milhões de dólares, devido ao crédito malparado de anos anteriores.

O suíço-angolano Jean-Claude de Morais, presidente da Quantum Global, foi alegadamente constituído arguido e impedido de sair de Angola, após interrogatório na Direção Nacional de Investigação e Ação Penal da Procuradoria-Geral da República, noticiou hoje o Jornal Expansão.

O Comité Central do Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA) aprovou hoje a data de 07 de setembro para a realização do VI congresso extraordinário e a candidatura de João Lourenço, atual vice-presidente, a presidente do partido.

Angola vai gastar mais de 4.000 milhões de dólares durante um ano para importar combustíveis refinados, segundo uma autorização para o negócio, envolvendo o grupo da petrolífera estatal Sonangol, a que a Lusa teve hoje acesso.

Angola vai instalar mais de duas dezenas de novas estações de comunicação no âmbito segunda fase da modernização do espaço aéreo, para cumprir as normas internacionais, permitindo melhorar a gestão estratégica do tráfego aéreo, anunciou o Governo.

Página 1 de 226