Senhor de 62 anos condenado a 15 anos de prisão por abusar de quatro filhas menores

O Tribunal Provincial de Luanda condenou hoje um angolano de 62 anos a 15 anos de prisão por violar reiteradamente, ao longo de pelo menos oito anos, as quatro filhas menores.

O homem, detido em Luanda em novembro de 2016, foi condenado hoje a uma pena parcelar de 10 anos de prisão por cada crime de violação sob a forma continuada, tendo o juiz da causa aplicado, em cúmulo jurídico, a pena única de 15 anos de prisão efetiva.

Além disso, o sexagenário, com 21 filhos de cinco mulheres diferentes, terá ainda de pagar uma indemnização de 300.000 kwanzas (1.500 euros) às filhas que foram alvo de abusos, hoje com idades entre 15 e 21 anos.

A detenção do homem foi precipitada depois de a filha mais nova ter relatado os abusos sexuais na igreja que frequentava, nos arredores de Luanda.

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Terça, 28 Novembro 2017 15:37
- -