CAN2023: Selecionador angolano quer vencer Namíbia e apurar Angola para os ‘quartos

Post by: 27 Janeiro, 2024

O selecionador angolano, o português Pedro Gonçalves, manifestou hoje o desejo de vencer a Namíbia e apurar Angola para os quartos de final da Taça das Nações Africanas (CAN2023) em futebol, que decorre na Costa do Marfim.

Em conferência de imprensa, na cidade de Bouaké, palco do jogo deste sábado, o treinador luso alertou para o cuidado que se deve ter com a seleção adversária - a quem qualificou de poderosa -, apesar da vontade de ver Angola vitoriosa.

“O nosso foco passa por entrar em campo e entregar-nos e, no final, vencer a Namíbia. Com certeza, será muito difícil, mas tenho confiança de que amanhã [sábado] todos farão um ótimo trabalho e garantiremos o apuramento, embora reconheçamos que a Namíbia é uma equipa muito poderosa, muito valente. Por isso, precisamos de ser cuidadosos. Devemos ser equilibrados, porque se perdermos o equilíbrio, a Namíbia pode ser perigosa” manifestou.

No seio da seleção angolana não se pensa noutra possibilidade que não seja a vitória no jogo dos ‘oitavos’, corroborou o avançado Zini Salvador.

“É uma seleção muito agressiva, respeitamos o adversário mas nós queremos vencer jogo a jogo e este não foge à regra. O mais importante é estarmos focados no nosso objetivo que passa somente pela vitória” disse.

Da mesma visão partilhou o defesa central Kialonda Gaspar.

“Acreditamos no grupo que temos. Temos recebido orientações dos mais velhos e confiamos no grupo que temos. Acredito que vamos passar para a fase seguinte” declarou.

Angola e Namíbia defrontam-se pela 14ª vez na história, com vantagem para os angolanos, que nunca perderam um jogo; pelo contrário, venceram os namibianos em sete ocasiões e empataram seis vezes, números que, além de atribuírem favoritismo à equipa de Pedro Gonçalves, expressam margem para um resultado positivo, após ao apito final do árbitro do encontro.

No confronto entre ambas as seleções, Angola marcou 19 golos e sofreu nove, sendo que o primeiro confronto disputou-se em 04 de setembro de 1994 e voltaram a defrontar-se quatro anos depois, na Taça das Nações Africanas disputada no Burkina Faso, com empate a três golos, no Grupo C.

Artigos Relacionados

- --