Rihanna chora morte do primo e apela ao fim da violência com armas de fogo

Primo de Rihanna é assassinado e cantora lamenta nas redes Primo de Rihanna é assassinado e cantora lamenta nas redes

Rihanna acaba 2017 de luto. O seu primo, Tavon Kaiseen Alleyn, morreu esta semana e a artista recorreu às redes sociais para deixar uma mensagem emocionante.

“RIP primo… Não posso acreditar que foi ontem [dia 26] à noite que te segurei nos meus braços! Nunca pensei que era a última vez que sentia o calor do teu corpo!!! Vou amar-te sempre!”, escreveu a cantora na legenda das fotografias onde surge abraçada ao familiar, partilhadas na sua conta do Instagram.

Na mesma publicação, Rihanna aproveitou para deixar um apelo aos fãs, pedindo o fim da violência com armas de fogo.

De acordo com o Barbados Today, Tavon Kaiseen Alleyn estava na rua, a caminhar numa área próxima da sua casa, quando foi abordado por um homem que o alvejou várias vezes antes de fugir.

Após o tiroteio, que terá ocorrido por volta das 19h, o primo de Rihanna foi levado para o hospital próximo, mas acabou por morrer.

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Quarta, 27 Dezembro 2017 20:21
. .
.
.